CINANIMA

Através do CINANIMA Nas Universidades, o Festival de cinema mais antigo de Portugal leva 32 curtas-metragens, do melhor do cinema de animação de autor mundial até 17 instituições portuguesas do ensino superior. Esta iniciativa de entrada livre é um grande momento de disseminação cultural e precede a 47.a Edição do CINANIMA, que irá acontecer de 13 a 19 de novembro, em Espinho.

A iniciativa CINANIMA Nas Universidades decorre durante o mês de outubro, e leva até várias instituições de ensino superior o melhor do cinema de animação. Este ano, além da exibição dos Premiados da edição do CINANIMA de 2022, as comunidades académicas de todo o país, e o público em geral, poderão assistir também a dois programas de curtas oriundos de duas grandes escolas superiores de arte europeias: a KASK, em Ghent, na Bélgica, e a HKU, em Utrecht, nos Países Baixos.

Cinanima Festival Cinema animação

Esta iniciativa que no seu início, em 2014, alcançava 6 universidades, chega, em 2023, a 17 instituições do ensino superior. Por todo o território nacional, em auditórios e outros espaços culturais, poder-se-á assistir a 32 curtas, em mais de 50 sessões, do melhor do cinema de animação europeu e mundial.

A maratona de cinema de animação outonal começa na Universidade do Algarve (Faro), passando pela UTAD, em Vila Real, pela Universidade do Porto, pelo Pólo de Guimarães da UM, pelo Instituto Politécnico de Bragança, pela Universidade da Madeira, no Funchal, e pela Universidade Lusófona em Lisboa. Seguem-se-lhe a Universidade dos Açores, em Ponta Delgada, a Universidade da Beira Interior na Covilhã, a Universidade de Coimbra, a Universidade de Aveiro, o IPCA em Barcelos, a ESAD em Matosinhos, o Instituto Politécnico da Guarda, o Pólo de Braga da Universidade do Minho, o Instituto Politécnico de Portalegre e o trajeto termina na ESMAD em Vila do Conde.

Cinanima Festival Cinema animação

Entre as exibições destaca-se o filme Bestia, do chileno Hugo Covarrubias, que arrebatou o Grande Prémio do CINANIMA e que esteve indicado para o Oscar de melhor curta-metragem de animação. Merecem também destaque as curtas Curiosa, de Tessa Moult-Milewska, do Reino Unido – vencedor do Grande Prémio CINANIMA 2022 na Competição Internacional Obras de Estudantes -, Um Homem Pequeno, curta francesa de Aude David, Mikaël Gaudi que conquistou o Prémio Especial do Júri e Duo – a curta- metragem portuguesa que arrecadou o prémio de jovem cineasta português -, de João Levezinho.

Este evento cultural de entrada livre representa um momento crucial de disseminação cultural antes da aguardada 47.a Edição do CINANIMA, que irá ocorrer de 13 a 19 de novembro, em Espinho, prometendo mais uma vez celebrar a arte da animação em todas as suas formas e cores.

Joana Sousa
Apaixonada pelo mundo do cinema e dos videojogos. A ficção agarrou-me e não me largou mais! A vida levou-me pelo caminho da Pós-Produção, do Marketing e da organização de Eventos de cultura pop, mas o meu tempo livre, dedico-o a ti e à Squared Potato.