Apple Arcade | Revelado O Serviço Por Subscrição Concorrente À Stadia Da Google

Foi ontem revelada, durante a apresentação da Apple, no Steve Jobs Theatre, a resposta da gigante da tecnologia de Cupertino ao anúncio da Stadia da Google na GDC 2019. A Apple Arcade, com lançamento previsto para o Outono deste ano, surge assim como um serviço pago (cuja quantia ainda não foi revelada) e que te dará acesso a todos os videojogos que forem disponibilizados através desta plataforma. Desta feita, através de uma só subscrição, tu e mais 5 amigos poderão tomar partido de todos os seus conteúdos.

Através deste serviço, poderás jogar onde e quando quiseres!

Ao contrário da Stadia, a Apple Arcade é pensada para o comum mortal (embora os dispositivos da Apple não estejam propriamente ao alcance do mesmo), e com isto quero dizer do jogador que não é necessariamente um streamer, pois esse é um aspecto deixado completamente de lado neste serviço. No entanto, poderes levar os teus jogos contigo para todo o lado, jogar tanto em online como em offline, e retomar partidas em qualquer um dos dispositivos da Apple que estejam mais próximos de ti, quer os mesmos sejam o teu IPhone, IPad, Mac, ou a tua Apple TV, é sem dúvida um sonho para qualquer fã desta companhia!

Com mais de 300 mil jogos presentes na sua loja App Store, a Apple prepara-se para ganhar a exclusividade sobre alguns destes, e para arrancar, a Apple Arcade prepara-se também para receber 100 jogos acabadinhos de estrear e desenvolvidos em exclusivo para a sua plataforma. Algumas das empresas que já estão a trabalhar com a Apple para trazerem os seus jogos para esta plataforma de gaming, incluem já nomes como a Disney, Chucklefish, Sumo Digital, SEGA, LEGO, Konami, Cartoon Networks, e muitas mais!

Lê mais:  Mythic Quest Raven's Banquet | Análise

Ah e já me esquecia, com tudo isto, claro que não vais ter de levar com aquelas publicidades irritantes típicas dos jogos mobile enquanto jogas, e para além disto, a Apple dá garantias de segurança e privacidade sobre os teus dados enquanto estiveres a utilizar a sua plataforma. Contudo a questão permanece, com tanta plataforma a surgir nesta correria ao negócio milionário da industria do gaming, será que a Apple vai conseguir  ainda se vingar no mundo dos videojogos?