O mercado de videojogos na China tem crescido a um ritmo alucinante, mesmo com uma gestão apertada e controlo ditatorial sobre a indústria, na necessidade de segundo o governo, proteger escolas e famílias daquilo que é visto como excesso de jogos.

Através de um belo artigo da Bloomberg, vemos a sede de expansão da desenvolvedora NetEase, com a procura de talento no mercado exterior. Toshihiro Nagoshi, criador da saga Yakuza, parece estar a negociar a sua saída da Sega, onde trabalha desde 1989, rumo à gigante Chinesa.

Esta aquisição ao ser confirmada, acentuará mais um golpe numa competição entre a NetEase e a rival Tencent, com intuito de obter talentos e activos de videojogos no Japão.

O esperado será que Nagoshi, desenvolva e dirija, montando a sua própria equipa e criando novas propriedades intelectuais.

Toshihiro Nagoshi é famoso por criar franquias clássicas da SEGA como Super Monkey BallDaytona USA e Virtua Striker, e principalmente pela série Yakuza e criação da divisão Ryu Ga Gotoku Studio.

Curioso, explorador, e fã de videojogos desde que me lembro, e em especial pela saga Metal Gear. Não jogo plataformas, jogo jogos.