E quando já pensavas que o mundo de George R. R. Martin se ficava por aqui, eis que surge a notícia de que Game of Thrones terá mais três prequelas a caminho.

Steve Toussaint como Lorde Corlys Velaryon

A primeira, com o título temporário de 9 Voyages, será realizada por Bruno Heller (Rome, The Mentalist, Gotham). Esta seguirá a história de Lorde Corlys Velaryon (A Serpente Marinha), líder da Casa Velaryon – uma personagem que também aparecerá em House of the Dragon, interpretada por Steve Toussaint. 9 Voyages refere-se às longas viagens do mesmo a bordo do seu navio Serpente Marinha, atingindo fronteiras que mais nenhum navegador se atreveu a transpor.

Princesa Nymeria

A segunda, com o título temporário de 10,000 Ships, seguirá a lendária princesa guerreira Nymeria, original de Essos e fundadora de Dorne, na sua migração após a Segunda Guerra de Especiarias. O seu nome viria a ser dado a outras duas personagens na série: o direwolf de Arya e Nymeria Sand, uma das Serpentes de Areia, filha ilegítima de Oberyn Sand. 10,000 Ships terá lugar 1000 anos antes de Game of Thrones, o que a torna no projecto mais antigo da lista.

Flea Bottom Game of Thrones
Flea Bottom

A terceira, com o título temporário de Flea Bottom, retrata um dos locais menos desejáveis de todo o reino de King’s Landing, onde habitam os mais pobres e a apelidada “escória” da sociedade, como prostitutas e ladrões. Ser Davos Seaworth e Gendry Baratheon são duas das personagens mais conhecidas originárias destas favelas.

Lê mais:  Séries HBO | Estreias de Outubro de 2020

Até ao momento, é desconhecido se as três séries foram aprovadas pela HBO ou se os episódios-piloto de cada uma ainda terão de passar à primeira fase de selecção.

Casey Bloys

“A forma como tentamos abordar isto não é dizendo, ‘Precisamos de cinco séries no espaço de três anos’ mas sim ‘Quais as histórias que valem a pena contar?'”, comentou o CCO da HBO, Casey Bloys, “Temos estado a desenvolver várias versões de diferente smundos. A que quero fazer é a que acho ser a melhor criativamente falando. Prefiro focar-me nas histórias e nos directores e a sua visão do que atingir um objectivo arbitrário no que toca a número de séries – quero três ou cinco ou dez ou que for. Tento falar com a equipa sobre as histórias que estamos a contar, quais são os personagens a quem valem a pena dar ênfase? O número de séries que eu quero é o número de séries que são bons. Por isso tento que isso seja o nosso guia ao invés de escolher um número e trabalhar de trás para a frente. Se a série é boa, é essa que vamos fazer.”

Enquanto isso, esperamos ansiosamente pelas outras duas sequelas, House of the Dragon, passada 300 anos antes de Game of Thrones, e Dunk and Egg, passada 100 anos antes.


Já conhecias estas histórias do universo de Game of Thrones? Qual a que estás mais ansioso por ver?