O muito acalmado jogo de tabuleiro da Asmodee, Carcassone, chegou à consola híbrida da Nintendo. Com isto, não pude deixar de ter curiosidade em experimentar este jogo no seu formato digital!

Lê mais:  EA Games | Anunciado Need For Speed: Hot Pursuit Remastered

Se nunca jogaste Carcassonne eu passo a explicar-te muito resumidamente o seu conceito: O objetivo é a construção de cidades medievais, campos, estradas e mosteiros, usando peças quadradas. A cada turno, terás direito a colocar uma peça, dada aleatoriamente, adjacente a outra, e assim seguires construindo e completando estradas, cidades ou mosteiros, e pontuando com isso. Mas estes pontos só te pertencem caso um Meeple (uma espécie de peão dos jogos de tabuleiro) esteja nessa zona, na altura de se pontuar. No final de tudo, é feita a contagem de pontos por estradas, cidades ou mosteiros que não estejam ainda completos, bem como a contagem de campos onde Meeples estão incluídos. Poderá parecer um pouco confuso, mas o tutorial inicial dá-te logo as luzes que necessitas para começares a jogar.

Incluídas, estão duas expansões gratuitas, em que podes contar com mais peças e regras acrescidas às já existentes, subindo ainda mais a rede estratégica de jogo. Contudo, existe ainda uma terceira expansão, mas essa já é paga. Não estranhes, pois no mundo real onde vive este jogo de tabuleiro já existem um punhado de expansões para este. Pelo que é bem possível que no futuro cheguem ainda mais expansões para a versão digital.

Carcassonne

Lê mais:  Nintendo | Anunciado Novo Direct Dedicado ao Animal Crossing

O videojogo está preparado para ser jogado sozinho, usando os CPUs, ou acompanhado por mais 5 amigos na mesma consola. Uma coisa digo-te já, apesar dos CPUs terem vários níveis de dificuldade, ao ter colocado a mais baixa (que já vem por defeito), obtive grandes derrotas. Não sei se foi por ter tido azar com as peças que me calharam, mas o CPU, apesar de ser um bocadinho lento, sabia o que fazer com as peças chave que lhe calhavam. Porém, existe algo de muito errado neste videojogo. Ao ler as instruções de como jogar o videojogo, deparei-me com a menção do modo online, porém, este videojogo não possuí nenhum modo Online. Possivelmente este poderá aparecer no futuro, mas por enquanto é melhor pensarmos que isto não passa de um erro.

Durante a partida, houve momentos que não apreciei de todo. Um desses foi o facto de, quando não tenho nenhum stock de Meeples para colocar nas peças, uma vez que coloques a peça, não há maneira de voltares atrás. Parece estranho estar-me a queixar disto mas é algo que realmente me incomodou, pois quando tenho Meeples disponíveis para colocar eu tenho a possibilidade de confirmar a minha jogada ao ficar a pressionar o botão A. Espero que não demorem muito a corrigir isto.

Outra situação desagradável é a vibração dos Joy-Con, em que estes vibram com demasiado barulho, sempre que chega o meu turno. Claro que poderia desligar a vibração nas definições de jogo, caso existisse! Pois é, se pensas em jogar este videojogo a meio da noite, prepara-te para incomodares alguém!

Carcassonne

Lê mais:  Main Assembly | Primeiras Impressões

Vá, não vou estar só a falar mal, este videojogo também possuí as suas vantagens, até mesmo quando comparadas com a sua versão física. Nomeadamente posso falar-te de que o videojogo dá-te dicas, que te permitem veres todos os locais onde a tua peça pode ser introduzida, bem como também veres locais onde não existem mais peças disponíveis para serem colocadas naquele lado. Além disto, as pontuações são todas calculadas automaticamente, sem que estejam todos os jogadores a levar 5 a 10 minutos a fazer contas num papel. Ah! e não temos que arrumar as peças todas de volta na caixa. O factor da portabilidade também não deverá ficar esquecido, pois a Nintendo Switch dá um brilho extra a Carcassonne.

A representação visual do videojogo está boa, sendo que é possível ver com detalhe a mesa e as respectivas peças. Também é possível ver com clareza onde estão os Meeples, ao vê-los aos saltinhos em cima das peças.

Por fim, quero só falar da música, que é tão aborrecida… Com a mesma música a passar em loop durante mais de meia hora, finalmente encontrei a receita ideal para a sonolência. Com isto aconselho vivamente a desligares a música e meteres a tua playlist pessoal da tocar no teu tablet ou smartphone.

Carcassonne já se encontra disponível para a Nintendo Switch, Android e na Steam para PC. Contudo, só estas duas últimas versões é que possuem modo Online.

Conclusão da Análise
Jogável
5.5
Um fanático por Nintendo, de nome "Nintendista", que procura mostrar ao mundo o lado mágico da empresa que o acompanhou durante toda a vida.

Deixa uma resposta

Por favor deixa aqui o teu comentário
Por favor deixa aqui o teu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.