Mãos no volante, pé no acelerador e toca a derrapar! Depois de Crash Bandicoot N. Sane Trilogy, o marsupial está de regresso, só que desta vez para correr nas pistas de Crash Team Racing Nitro-Fueled. Estão prontos para a corrida?

Os fãs tanto o pediram, que ei-lo então aqui. Com o lançamento de Crash Bandicoot N. Sane Trilogy, a compilação das versões melhoradas dos três primeiros títulos da série, choveram pedidos para uma versão melhorada de Crash Team Racing (1999). Desta feita, 20 anos após o lançamento do original, chega-nos às mãos Crash Team Racing Nitro-Fueled.

CTR Nitro-Fueled, desenvolvido pela Beenox, pertencente à Activision, responsável pela publicação do jogo, é sem dúvida uma onda de nostalgia. Caras conhecidas não faltam por aqui, assim como pistas que nos são familiares e, claro, muitos e divertidos momentos para partilhar!

Lê Mais:  Pokémon Sword / Shield | Novo Trailer Revela Novos Pokémon, e a Gigantamax!

Variado, mas ainda por explorar

Do ponto de vista de modos de jogo, CTR Nitro-Fueled é de facto bastante rico. Adventure, o modo aventura, é o centro da acção, mas está longe de ser o ponto forte do jogo. Apesar de se tratar de um remaster do clássico de há duas décadas, é impossível ignorar o facto de este modo de jogo estar aquém do potencial, carecendo de exploração e deixando escapar uma experiência mais aprofundada da narrativa do jogo.

Em contrapartida, o Local Arcade, que completa com o Adventure, o jogo offline, é altamente completo, oferecendo uma variedade considerável de opções. Um pouco de tudo: das corridas mais simples e dos habituais torneios por pontos às batalhas e aos desafios cronómetro. Local Arcade acaba então por compensar a simplicidade do modo aventura, incorporando o tempo que sobra da experiência inicial. No entanto, apesar da variedade, torna-se repetitivo, esgotando-se rapidamente ou – pior – esgotando rapidamente o jogador.

Crash Team Racing Nitro-Fueled

Lê Mais:  Streets Of Rogue | Análise

Uma aposta visual

Os gráficos estão excelentes em CTR Nitro-Fueled. As cores são vivas, a animação é dinâmica e há fluidez na interacção com os adversários e com as pistas de corrida. A personalização é outro ponto forte desta renovada versão; talvez o principal e mais óbvio. Para além das muitas personagens e das várias skins disponíveis, há opções de veículo, pneus, pinturas e decorações, que podem ser desbloqueadas ao longo do jogo e através de desafios extra.

A componente online está do mesmo modo presente, tanto nas corridas como nos Daily Deals da Pitstop, onde o jogador pode adquirir novos corredores, personalizações e extras, utilizando as moedas ganhas em corridas e desafios. Ainda assim, apesar de a personalização ser óptima, serve apenas para questões de estilo. Infelizmente, não é possível melhorar veículos através das suas novas componentes. Uma questão em falha, por exemplo, quando comparando CTR Nitro-Fueled ao seu principal concorrente, Mario Kart 8.

Crash Team Racing Nitro-Fueled

Lê Mais:  SEGA Mega Drive Classics | Compilação A Caminho da Switch

Ou sim ou não!

Bem como a personalização agridoce, a experiência de jogo, ainda que satisfatória, não é de todo excelente. A começar pelo incrivelmente grande gap entre níveis de dificuldade. Se no modo Fácil conseguimos terminar uma corrida com quase uma volta de avanço, no modo Normal é difícil sequer terminar a corrida em primeiro ou em segundo lugar. Não há um meio-termo, especialmente se tivermos em conta que apenas existem três níveis de dificuldade: Fácil, Normal e Difícil. Basta escolher! Mas um desafio calha sempre bem!

Crash Team Racing Nitro-Fueled

Em conclusão, Crash Team Racing Nitro-Fueled é claramente um must have para os fãs de Crash, para os que jogaram o original e para todos os que apreciam um bom jogo de corridas. Com uma condução leve e agradável, pistas altamente bem desenvolvidas e itens de ataque, defesa e velocidade desafiantes, a experiência é bastante boa, embora não seja perfeita. Peca pelo fraco modo aventura, pela falta de personalização técnica e pela disparidade nos níveis de dificuldade.

Crash Team Racing Nitro-Fueled, lançado a 21 de junho, está disponível para PlayStation 4, Nintendo Switch e Xbox One.

Conclusão da Crítica
Fantástico! Mas talvez durante pouco tempo
7.8