Dollhouse, é o próximo videojogo da Creazn Studio a ser publicado pela SOEDESCO, e o mesmo esteve recentemente em Beta. Desta feita, fomos convidados a experimentá-lo, e claro, não resisti ao convite, pelo que trago-te agora as minhas Primeiras Impressões do jogo.

Lê Mais:  Life Is Strange 2 | Documentário Mostra O Desenvolvimento Do Videojogo

Antes de mais, é importante salientar que este é um videojogo que mistura diferentes estruturas de narrativa, e deduzo isto em certa parte porque na Beta, ao entrar no modo Campanha, tive de escolher o estilo de história que queria jogar entre as opções disponíveis: Mistério, Biografia, Documentário ou Familiar. No entanto, só a primeira opção é que estava seleccionável nesta versão do jogo.

Outro aspecto a ter em consideração em Dollhouse, é também a sua narrativa interactiva, ou seja, como já vem a ser moda, este é mais um jogo onde o jogador tem o poder de intervir no rumo da história. Esta última, foca-se nas memórias de Marie, a nossa personagem principal, uma detective policial que oculta um segredo horrível, e que de certa forma vamos ter de desvendar trilhando o labirinto obscuro que a mesma criou para selar as suas próprias memórias.

Com isto, temos em pano de fundo os anos 50’s, explorando a essência do cinema Noir e adaptando as suas técnicas a este videojogo. Devo aqui dizer que qualquer cinéfilo amante deste estilo cinematográfico vai adorar absolutamente o visual de Dollhouse. Desde o realce das sombras no monocromatismo dos planos, à escolha da tipografia nos pequenos detalhes, a Creazn soube absorver e aplicar no seu jogo uma homenagem ao cinema Noir de forma exemplar.

Dollhouse

Lê Mais:  Death Stranding | Todas As Edições Especiais Reveladas

Posto isto, é chegada a hora de referir que este é sobretudo um jogo de Horror. Daqueles em que não importa o quanto baixes o volume do jogo, pois o próprio silêncio é excruciante, e em que navegamos por um cenário em que mal se distinguiria um elefante. Contudo, fazendo-nos valer de uma lanterna, é possível descobrirmos várias silhuetas de objectos e loot que podemos apanhar pelo caminho e que são importantes para a nossa progressão.

Cada partida, independentemente do modo de jogo Campanha ou Multiplayer, é absolutamente única. Isto porque estes corredores mal assombrados são aleatoriamente gerados, o que nos coloca sempre perante um mapa diferente, de forma a nunca conseguirmos orientar-nos de partida para partida. Isto é crucial, pois a essência do jogo não é só desvendarmos um mistério, é sobretudo – e ACIMA DE TUDO – sobrevivermos ao labirinto e a uma figura envolta em sombras que nos persegue. Para apimentar a coisa, somos surpreendidos ainda com a visão na perspectiva desta figura de tempos em tempos, que demonstra ter a personagem que controlamos sempre no seu campo de visão. Ah, e já mencionei que temos manequins que se camuflam com o cenário totalmente escuro do labirinto, e que nos perseguem também? Não? ah ok… bem temos desses também.

Dollhouse

Lê Mais:  The Game Awards 2018 | Remake de Crash Team Racing Nitro Fueled anunciado!

Para além de tudo o que já referi, importa também mencionar a forma como constróis a história a se desenrolar: editando as memórias que recolhes. Estas tratam-se na realidade de películas de filmes antigos. Para além de estares a fazer trabalho de campo na recolha destas, estás também a melhorar a tua personagem com upgrades, sob a forma de 40 habilidades disponíveis que podes adquirir e misturar a teu gosto.

Para já, Dollhouse foi uma boa experiência, que soube criar ambiente e imersão no jogador. Queria só deixar em nota, que nesta beta não foi possível experimentar o modo multiplayer, mas o mesmo é referido pelo estúdio como que inspirado no jogo do gato e do rato. Ou seja, o modo consiste em 14 jogadores espalhados pelo labirinto, e estes têm de coleccionar memórias ao mesmo tempo que caçam uma vítima que lhes é atribuída e enquanto são perseguidos por um outro jogador. Fãs de HunterXHunter saberão o que esperar daqui.

Dollhouse tem data de lançamento marcada para 24 de Maio, para PlayStation 4 e na Steam para PC.