Penso que um dos géneros mais difíceis de executar bem e de inovar é o turn based tactical game, o qual envolve controlares um grupo de aliados, onde cada um executa acções limitadas em cada turno.

O jogo que mais popularizou este género foi XCOM, onde a fórmula foi evoluindo com cada jogo, tornando-se o principal denominador para quando um jogo apresenta mecânicas de combate táctico por turnos.

Othercide apresenta-se como uma nova adição, mas com umas ideias novas bastante interessantes, juntamente com uma execução que surpreendeu, tanto do lado artístico como de jogabilidade.

 

O primeiro ponto que merece atenção é a apresentação do jogo, apresentando-se em preto e branco, sendo a única cor visível o vermelho. Também há uma grande influência da arquitetura gótica, da peste negra, e um pouco de H.P Lovecraft.

Estas influências dão uma apresentação única ao jogo. Não é algo que vai agradar a todos, mas, na minha opinião, sendo um fã da arquitetura gótica e das criações abstractas de Lovecraft, penso que a arte do jogo foi incrivelmente executada.

Outro aspecto em que a equipa acertou foi na música, com influências góticas e electrónicas, usando uma mistura de melodias sinistras com cordas, junto com ritmos electrónicos, e com umas músicas um bocadinho mais pesadas, estando mais próximas de hard-rock ou metal.

OthercideEm Othercide, tu controlas um esquadrão de daughters, que nascem a partir da alma da mother. As daughters são a última esperança da humanidade, que vive num estado constante de sofrimento, devido a uma invasão de criaturas vindas de um universo paralelo, que se alimentam das emoções das pessoas.

A premissa é simples: com a ajuda das daughters, vais tentar acabar com o sofrimento da humanidade, caçando as criaturas e os responsáveis por esta tragédia.

Em Othercide, o progresso está dividido em eras, cada uma com uma duração de 7 dias, e um boss único. Cada dia dá-te algumas opções de escolha, sendo que podes sempre fazer a manutenção das tuas daughters sem gastar tempo, e podes simplesmente passar o dia sem fazer nada, ou fazer uma ou mais missões que estão disponíveis nesse mesmo dia.

Othercide

O jogo tem vários tipos de missões disponíveis: as Hunts, onde tens de matar todos os inimigos no mapa; as Survival, na qual tens de sobreviver durante um tempo limite, onde depois aparece uma área onde tens de mover as tuas daughters para poderes escapar; as Rescue, em que levas uma bright soul até a uma área específica no mapa, tentando protegê-la de vários inimigos; e finalmente, as Ritual, onde tens um inimigo que terás de matar num tempo limite, antes dele utilizar uma habilidade que mata a tua equipa inteira.

Lê mais:  Surgeon Simulator 2 | Trailer de Jogabilidade e Modo Cooperativo Revelados!

Também há uma boa variedade no que toca às classes das tuas daughters, com três classes disponíveis inicialmente: a blademaster, com a sua mobilidade e dano alto para matar inimigos com a sua espada; a shieldbearer, protegendo as suas colegas com crowd control e boa defesa, com um escudo e uma lança; e a soulslinger, com as suas pistolas, controlando os inimigos à distância, e reagindo aos movimentos e ataques dos mesmos com vários contra-ataques.

À medida que vais completando missões e avançando nos dias, irás receber vitae e shards. Estes dois recursos vão ser a tua principal fonte para poderes fazer upgrades e para poderes criar novas daughters.

OthercideO vitae serve para poderes criar novas daughters, e também para poderes aplicar memories nelas, que são upgrades às skills, como dar mais dano, ou atrasar um inimigo nos turnos. As memories são adquiridas ao matar inimigos durante as missões.

Os shards servem como passivas que irão ficar activas durante toda a tua jornada, como as daughters terem uma percentagem maior de vida, ou teres acesso a melhores memories dos inimigos.

Onde irás receber maior parte dos teus shards é quando uma das tuas runs acabarem, por escolha tua ou por falhares uma missão e a tua equipa morrer.

OthercideOthercide tira algumas inspirações dos roguelike, em que irás repetir o jogo várias vezes, sendo que não é um jogo fácil, especialmente ao início. Vai ser natural morrer algumas vezes na primeira era, mas felizmente, com os upgrades dos shards e com os conhecimentos que se vai adquirindo, eventualmente se ultrapassam os obstáculos que se vai encontrando.

O combate em Othercide tem como o principal foco o manuseamento do tempo, ou seja, cada acção que fazes demora um certo tempo, e o número de acções que fazes por turno indica o quão cedo ou tarde será o teu próximo turno.

Este tempo é representado por uma régua na parte inferior do ecrã, que vai de 0 a 100, e onde podes ver a vez que todos vão ter os seus turnos, aliados e oponentes.

Othercide

Todas as acções que queiras fazer, como movimentar-te, ou atacar um inimigo, gasta AP. Cada daughter tem accesso a 100 AP por turno, sendo que podes apenas gastar até 50 para poderes ter o teu próximo turno mais cedo, ou então entrar em burst, onde podes gastar o resto do AP, até aos 100, para executar mais acções, com o custo dessa daughter ter o seu próximo turno mais tarde.

Lê mais:  Neon Abyss | Análise

Também tens algumas habilidades que, em vez de gastar AP, gasta uma percentagem da vida da tua daughter. Estas habilidades geralmente são baseadas em reacções, como interceptar um ataque dum inimigo num aliado, de modo a protegê-lo, ou dar um buff de armor, para poder aguentar ataques mais poderosos.

Vais encontrar vários tipos de inimigos nas missões, desde inimigos que atacam de longe, outros de perto, uns que suportam os seus aliados e escondem-se mais atrás, entre outros…OthercideHá vários tipos de inimigos, cada um com um design bastante interessante, e com as suas fraquezas e vantagens, que terás de descobrir e utilizá-las para poderes vencer as missões da maneira mais eficaz.

Entre missões, nenhuma das daughters recupera a vida que perdeu, sendo que, para as curares, terás de sacrificar outra daughter do mesmo ou maior nível, recuperando a vida e dando um buff único à daughter que recebe o sacrifício.

Esta mecânica pode ser um bocado frustrante ao início, pois irás sentir que vais perder muitas das tuas daughters de nível mais alto para sacrificar, ficando com algumas de nível muito baixo, mas, depois da primeira era, irás receber algo que te irá deixar criar daughters de nível mais alto, tirando maior parte da frustração.

OthercideUm dos aspectos mais únicos do jogo são os bosses. Aqui tens uma inspiração no dark souls, com memorização de padrões e ataques, mas tudo feito de uma forma mais táctica, focado em posicionamento e no bom uso das habilidades.

Cada boss é único, fazendo com que tenhas que te adaptar. Aqui, o jogo mostra verdadeiramente a sua dificuldade, sendo normal morrer várias vezes nestes bosses, mas nunca senti nenhuma instância de dificuldade artificial.

Tenho a acrescentar que joguei Othercide num PC com uma RX 480 8 Gb, um i7 4770k, com 16 Gb de ram. O jogo correu-me bem sem problemas, nas definições máximas, sempre acima dos 60 fps.

Othercide já se encontra disponível para PC na SteamPlaystation 4 Xbox One.

Deixa uma resposta

Por favor deixa aqui o teu comentário
Por favor deixa aqui o teu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.