Penso que todos gostamos de jogos que nos fazem sentir várias emoções, com histórias e personagens que nos tocam. Mas, por vezes, não há nada como um jogo que põe tudo de lado e nos oferece uma experiência focada apenas em diversão, com uma escassez de cutscenes e diálogos longos entre personagens. Earth Defense Force: Iron Rain tenta ser esse jogo, e executou esse papel sem muitos tropeços.

O jogo começa com a nossa personagem e uma equipa de soldados numa missão importante, onde temos de defender uma cidade contra uma praga de formigas gigantes, puxando a equipa para a frente. A missão acaba no final deste confronto, onde a tua personagem e a equipa restante voltam para a base.

A base funciona como um ponto central onde podes costumizar a tua personagem e escolher o equipamento entre missões. Há várias formas de costumizar a tua aparência: desde género, caras, cabelo, olhos, voz, estrutura corporal e roupa.

Earth Defense Force

No jogo tens um menu de missões, onde podes continuar na missão mais recente ou repetir uma passada. Também podes editar o teu equipamento de entre armas, granadas, itens de cura, e o PA-Gear, que é uma armadura que te dá uma habilidade especial (como um propulsores para poderes voar temporariamente, ou então um escudo holográfico para te defenderes dos ataques).

Algo que me surpreendeu bastante foi a quantidade incrível de armas que há no jogo.

Desde metralhadoras, shotguns, lança-foguetes, armas laser, lança-granadas, lança-mísseis, entre outros. Também há vários sub-tipos de armas como um lança-foguetes que, em vez de criar uma explosão que te pode acertar, utiliza uma munição mais moderna que cria uma explosão eléctrica, fazendo com que não voes para trás com a explosão.

As missões são bastante simples, sendo geralmente lutar contra hordas de inimigos, proteger pontos, ou matar bosses. Os cenários também são simples, com várias zonas urbanas, e algumas montanhas e deserto.

Earth Defense Force

Algo que é impressionante é a quantidade de objectos destrutíveis nas zonas urbanas. Todos os prédios e pontes podem ser destruídos, e os inimigos desmembrados e desfeitos em bocados. É bastante divertido enviar um foguete para um prédio cheio de insectos e observar a destruição, com o edifício a cair aos pedaços e várias partes dos antagonistas a voar de um lado para o outro.

Há uma boa variedade de inimigos: vários tipos de insectos como formigas e aranhas, robôs, e alguns monstros gigantes. Independentemente do inimigo com quem lutes, é normal haver sempre hordas com dezenas – o que pode ser algo desconfortável quando se tratam de insectos.

Um detalhe interessante é que nem todos os tipos de inimigos se dão bem uns com os outros. Em missões onde temos de lutar contra robôs e insectos, podemos vê-los a lutar entre si.

Por vezes, podes encontrar veículos para conduzir durante as missões como carros, carrinhas e tanques, com uma condução bastante básica. Os veículos são opcionais mas são uma boa adição, especialmente os tanques com os seus foguetes.

Earth Defense Force

No final das missões recebes materiais para crafting e dinheiro. Também és avaliado pela tua performance dentro de vários parâmetros como dano recebido, tempo demorado, e materiais coleccionados. A pontuação final é dada em letras, sendo a mais baixa E e a mais alta AA.

O crafting serve para construíres e poderes usar o equipamento que vais desbloqueando, entre armas, itens, granadas, roupa e acessórios. O crafting é básico, sendo apenas necessário ter os materiais e dinheiro para construir o equipamento.

Os gráficos não são nada de especial mas são funcionais, havendo um foco óbvio na quantidade de inimigos no ecrã e nas físicas e destruição dos cenários.

Algo que me afectou a experiência foi a performance do jogo. Houve várias quedas de fps e inconsistência na fluidez, muitas vezes afectando a velocidade da mira e fazendo com que falhasse muitos tiros. Felizmente não foi algo que estragou completamente a diversão.

Earth Defense Force: Iron Rain já está disponível para a Playstation 4.