Imagina-te a aterrar num planeta desconhecido e inundado de zombies. Parece o enredo de um best-seller do Cinema, mas é apenas o ponto de partida deste Zombotron, o novo título da série, agora disponível na Steam.

Blaze Rush, o protagonista da aventura, aterra num planeta desconhecido e dá de caras com um cenário apocalíptico, recheado de inimigos e de segredos por descobrir. Na companhia do pequeno Ash, Blaze é então conduzido pelo jogador através de uma viagem, onde o caos e as explosões parecem não ter fim.

Lê Mais:  Monster Boy and the Cursed Kingdom | Análise

Visualmente excelente!

Zombotron é, sem dúvida, um nome familiar a muitos jogadores. Para além do título, são muitas as componentes que o tornam um sucesso intemporal. Nesta edição, os gráficos são de facto cativantes, assumindo ainda assim o minimalismo necessário para serem espectaculares. A animação é igualmente excelente, tendo como resultado uma experiência visual acima da média, que não preza pelo pormenor, mas pela simplicidade e pela fluidez. Em contrapartida,  ainda no campo gráfico, as legendas os textos que constroem a narrativa do jogo são quase ilegíveis. É caso para dizer que a estética se sobrepôs à utilidade.

Zombotron

Lê Mais:  Faeria | Análise

Apesar de estar disponível em português, o que é uma mais-valia, este indie não é dobrado nem falado. Os efeitos sonoros são agradáveis, assim como a banda sonora que ambienta e envolve toda a aventura. Vivendo muito destes pilares, tanto explosões como ataques e efeitos especiais soam bem aos ouvidos do jogador.

Não há grande complexidade no que respeita aos controlos em Zombotron, visto que este é bastante intuitivo. Contudo, a jogabilidade não é de todo imediata, podendo confundir um pouco o jogador no primeiro impacto com o jogo. Mas com a prática (quase) tudo se resolve, não é verdade? A acção assume então um papel fundamental em praticamente todas as interacções. Seja num disparo, num arrombamento ou na queda de um elevador, tanto a animação como o movimento estão bastante bem conseguidos.

 

Lê Mais:  The Sinking City | Análise

Aventura, combate e personalização

Ao longo da viagem, o jogador, no papel do protagonista Blaze Rush, terá de derrotar zombies para ganhar pontos de experiência, que permitem evoluir e subir de nível. Aumentando o nível, aumenta igualmente o número de possíveis novas abordagens de combate e defesa. Progressivamente, tornar-se-á mais fácil dominar os controlos do jogo e enfrentar a dificuldade intermédia e desafiante que Zombotron oferece.

Por outro lado, é ainda possível descobrir segredos que escondem itens de personalização, com os quais o jogador poderá equipar Blaze. É então no inventário que todos os equipamentos podem ser vendidos e utilizados, melhorando stats e o desempenho em combate.

 

Lê Mais:  A Plague Tale: Innocence | O Jogo Recebeu Hoje Um Trailer Emociante Da Sua História

Ideal para quem gosta de acção e shooters, mas prefere fugir aos habituais FPS, Zombotron é um mix de Resident Evil, Plants vs Zombies e The Walking Dead, que agradará aos fãs destes e de outros títulos. Mais animado, menos realista, mas igualmente desafiante e cativante.

Desenvolvido por Ant.Karlov e editado pela Armor Games Studios, Zombotron está agora disponível na Steam para Mac e Windows.