O criador de Attack on Titan, Hajime Isayama, revelou num documentário para a MBS, estar cheio de preocupações e de ansiedade para conseguir desenhar os capítulos finais do mangá. Isto, não quer dizer de todo que o mesmo não esteja empenhado em fazê-lo, aliás, Isayama continua todos os dias a batalhar para cumprir com os prazos estipulados, contudo, todos conhecemos este sentimento de nervosismo pelo qual o artista está a passar.

“É assim todos os dias”, disse ele num documentário da MBS. “A minha preocupação em não conseguir fazer algo suficientemente bom impede-me de dormir. Depois fico faminto e, portanto, não posso desenhar. Depois, quando como, fico com sono e, mais uma vez, não consigo desenhar.”

Isayama acorda todos os dias às  16 horas para poder trabalhar arduamente durante a noite, mas o artista sente-se bloqueado pelo dilema de querer corresponder às expectativas dos fãs, ao passo que procura também surpreendê-los. Nestas horas de maior aperto, Isayama confessa fazer-se valer de uma Nintendo Switch para se distrair. De facto, se tiveres a oportunidade de ver o documentário da MBS, é precisamente quando o mesmo está a jogar na consola, que consegues ver o único momento em que o artista adopta uma postura mais descontraída, esboçando um sorriso verdadeiro.